Agora é oficial! Secretário deixa cargo para disputar o legislativo em Patos.

marcelolima.jpg

Encerrando o prazo de desincompatibilização, todos os pré-candidatos a vereadores que ocupavam cargos públicos tiveram que entregar seus postos, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). E portanto já foi possível enxergar melhor quem de fato estará disposto a concorrer a disputa eleitoral. De fato, não é uma decisão fácil para aquele que já se dispõe a entregar seu cargo ou seu espaço muitas vezes consolidado para arriscar entrar na corrida para as mais disputadas cadeiras da cidade.

Além disso, as consultas populares indicam que o perfil do eleitorado mudou e está muito mais exigente, diante das dificuldades enfrentadas pelo povo brasileiro, os eleitores estão optando hoje pelo convencimento das idéias, e também pela avaliação do histórico do candidato que precisa ser rigoroso nas boas ações políticas.

Já por muitos meses, um dos mais cotados dentro dos fortes candidatos em Patos, seria o então Secretário de Juventude – Marcelo Lima, segundo pesquisas no município que indicava essa preferência. Um agente público que movimentou a cidade desde que assumiu o cargo, e provou a sociedade que as políticas públicas muitas vezes precisam só de boa vontade para desenvolvê-las, quando se trata de uma secretaria sem orçamento, atrelada ao gabinete, mas que depois desse novo direcionamento foi uma das secretarias de maior destaque do governo Francisca Motta.

E como já se especulava, a confirmação da candidatura veio após seu pedido de afastamento como secretário no dia 01 de abril, indicando então que irá mesmo tentar essa vaga. O grupo de Marcelo Lima é formado por um público geral, porém mais focado na juventude, agrega estudantes secundaristas, universitários, professores,trabalhadores, ativistas culturais, esportistas e advogados como Rildian Filho, que assume agora a responsabilidade de dirigir com o mesmo ritmo a Secretaria de Juventude, o novo secretário é filho do ex-vereador Rildian Pires e também agrega forças na campanha.

Marcelo era presidente estadual de uma força de juventude a conhecida União da Juventude Socialista quando apoiou a vereadora Lucinha Peixoto nas ultimas eleições municipais, ela que foi a mais votada de patos, dando uma nova cara a uma campanha que tomou fôlego com a juventude. Hoje presidindo o PMDB Jovem de Patos, Marcelo sairá com um projeto mais independente e terá mais espaço e autonomia pra defender suas propostas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *