Aprovação de oito requerimentos movimenta a sessão da câmara de taperoá

Reunida na noite desta sexta feira (15/03) em sessão ordinária e bastante movimentada, a Câmara de Vereadores de Taperoá, aprova oito requerimentos e aprecia dois projetos de lei, em benefício da população taperoaense.

O vereador Antônio Vieira de Queiroz trouxe para a Casa Legislativa três requerimentos, são eles: Solicitar a Prefeitura a viabilização da doação de um terreno para a construção de uma agência da Previdência Social. Convidar o Gerente Executivo da Previdência Social em Campina para vir a Câmara e informar sobre a vinda da Previdência ao município. E por fim, solicitar a perfuração de poços na Zona Rural da cidade, como também ativar os cinco poços da zona urbana.

A vereadora Jane Monteiro de Farias Neris fez uma indicação enfatizando também a restauração e funcionamento dos poços e apresentou dois requerimentos, pedindo informações da Prefeitura sobre a coleta do lixo na cidade e o outro requerendo informações das obras e serviços em andamento no município.

A vereadora Maria Sileide Barreto Pinto, também preocupada com a limpeza da cidade, requereu ao setor competente, coletores de lixo nas ruas.

Já a vereadora Ângela Maria Oliveira de Araújo, apresentou um requerimento convocando uma sessão especial para discutir os direcionamentos a serem tomados com relação à seca.
A Presidente Margarete Carvalho de Araújo requereu uma MOÇÃO DE APLAUSO para o Hospital Geral de Taperoá “Antônio Hilário de Gouveia”, pelo pronto atendimento e serviços prestados à população taperoaense.

Todos os requerimentos citados foram apreciados, discutidos e aprovados por unanimidade.

Ainda foram apreciados dois Projetos de Lei: A criação do projeto “Mexe Taperoá”, da vereadora Maria Sileide Barreto Pinto, onde uma vez por semana o prefeito disponibilizará um professor de Educação Física para dar orientação às pessoas em praças públicas.

O outro projeto, criado pela vereadora Margarete Carvalho de Araújo Queiroz, trata-se da instituição do programa municipal “Música na Escola” nas escolas da Rede Pública da cidade, onde todas as séries do ensino fundamental teriam como conteúdo obrigatório. Os projetos serão enviados as Comissões responsáveis e votadas na próxima reunião.

Nesta sessão, os vereadores cumpriram com o seu papel e aprovaram requerimentos importantes que serão úteis para toda a população taperoaense.

 

Ascom – Câmara Municipal de Taperoá

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *