Coreia do Sul compra novos helicópteros para melhorar defesa contra vizinha do norte

Equipamento, fabricados pela Boeing, são avaliados em mais de R$ 3 bilhões

A Coreia do Sul disse nesta quarta-feira (17) que vai comprar helicópteros de ataque avaliados em 1,8 bilhão de won (mais de R$ 3 bilhões) da Boeing para melhorar sua capacidade de reação às ameaças da Coreia do Norte.

As autoridades presentes em uma coletiva não quiseram revelar quantos helicópteros estavam envolvidos no acordo, porém um deles disse à Reuters que o acordo era para 36 aeronaves.

A decisão de comprar os novos helicópteros foi iniciada antes da escalada da tensão entre as Coreias do Norte e Sul, depois do terceiro teste nuclear realizado pelo Norte, em fevereiro.

Os helicópteros AH-64E Apache Guardian da Boeing venceram os AH-1Z Viper, construídos pela Bell Helicopter, divisão da Textron, e o T-129 da Turkish Aerospace Industries, afirmou uma autoridade da Administração do Programa de Aquisições de Defesa da Coreia do Sul.

“A capacidade do motor do Apache e carga de armas, assim como a capacidade melhorada de alvos, receberam altas avaliações”, contou a autoridade aos repórteres.

A Coreia do Sul também quer adquirir 60 caças este ano.

Para este negócio, o caça invisível a radares F-35 stealth, produzido pela Lockheed Martin, e o caça F-15 Silent Eagle, da Boeing, estão competindo com o Eurofighter Typhoon, desenvolvido pelo consórcio entre a EADS, Finmeccanica SpA e BAE Systems.

R7

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *