CUNHA GANHA TEMPO: Leitura do relatório do processo de cassação ficou para hoje

e3700a1a018b93eb20d7d0d237db42eb.jpg

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) ganhou mais um dia na novela para abrir o processo de cassação do seu mandato. Na sessão de ontem, o presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA), informou que o relatório do deputado Marcos Rogério (PDT-RO) sobre o processo relativo ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, será lido hoje.

Araújo disse que não quis ler o relatório sobre Cunha na primeira reunião do colegiado após o recesso parlamentar porque prefere aguardar a decisão da Mesa Diretora sobre a questão de ordem contestando a decisão do 1º vice-presidente da Câmara, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), de determinar que a análise do processo relativo a Cunha fosse retomada do início.

Notificação. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi notificado na ontem sobre o pedido feito pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal para que ele seja afastado do cargo e do mandato.

Cunha tem agora dez dias corridos – até o dia 26- para apresentar sua defesa ao STF. Após isso, o ministro Teori Zavascki pode levar o caso para julgamento no plenário da corte. Teori, porém, afirmou que antes disso deve colocar em análise a denúncia da Procuradoria contra Cunha no processo do petrolão.

Paraíba Informa /  Com Folhapress 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *