Fantástico mostra esquema de corrupção que atinge mais de 80 cidades paraibanas

dsafasdf.jpg

Que cidade pequena não queria ter um ginásio? Um posto de saúde? O problema é que as obras foram feitas na base da licitação fraudada. O Repórter Secreto investigou esse esquema de corrupção, que se espalha por mais de 80 cidades da Paraíba. Duzentos milhões de reais em projetos feitos por baixo dos panos.

Em seis municípios (Cachoeira dos Índios, Monte Horebe, Marizópolis, Cajazeiras, Joca Claudino e Bernardino Batista, o empresário Francisco Justino, em delação premiada ao Ministério Público Federal, revelou como teriam se dado as fraudes.

Ele criou duas empresas e conseguiu participar de 177 licitações de prefeituras paraibanas: “Eu ganho, mas não executo a licitação. Empresto a firma para eles executarem. Quem executa é o prefeito, com o maquinário, o material e o pessoal da prefeitura”, disse o empresário, acrescentando que ele costumava sacar o valor do pagamento, reter sua parte e dos impostos e repassar o resto a pessoas de confiança dos prefeitos, responsáveis por entregar o numerário aos gestores envolvidos nas fraudes.

O esquema está sendo investigado pelo Ministério Público Federal, Gaeco, CGU e Polícia Federal na Operação Andaime.

Paraíba Informa / Litoral PB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *