Governo estuda criação de política para amortecimento de preços dos combustíveis

bombagasolina.jpg

Técnicos do Ministério de Minas e Energia e do Ministério da Fazenda vão discutir nesta segunda-feira (4), em Brasília, a criação de uma política de amortecimento de preços dos combustíveis voltada para o consumidor. Depois do acordo firmado com os caminhoneiros que definiu a redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel, a intenção é incluir também na discussão os valores dos demais combustíveis, a exemplo da gasolina, criando um mecanismo que proteja o consumidor final da volatilidade dos preços.

No último sábado (2) a Petrobras reajustou o preço do litro da gasolina em 2,25% nas refinarias, tornando o combustível R$0,04 centavos mais caro, ao passar de R$ 1,9671 para R$ 2,0113, de acordo com a estatal.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, a reunião envolvendo os técnicos busca construir uma solução que permita, por um lado, a continuidade da prática de preços livres ao produtor e importador e, por outro, o amortecimento dos preços ao consumidor. Uma outra reunião para discutir o assunto aconteceu na sexta-feira (1º) com a participação de técnicos da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *