Hulk é disputado por gigantes

O atacante Hulk, campeão da Copa das Confederações pela Seleção Brasileira, admitiu nesta semana que pode deixar o Zenit no início da próxima temporada europeia, que começa em agosto. O jogador manteve um discurso cauteloso, mas confirmou que os convites existem e que uma negociação poderá ser fechada.

“Esses assédios existem, sim. Tem clube interessado em mim. Mas se for para eu sair, tem que ser para um lugar melhor, um time melhor e uma competição melhor”, declarou o jogador em entrevista à TV Paraíba, sem no entanto dizer qual pode ser seu destino.
Após levar Falcao García, João Moutinho e James Rodriguez, o Monaco é o destino mais certo para Hulk. Inclusive, segundo o jornal L’equipe, o clube, que acaba de voltar à elite francesa, está disposto a pagar € 45 milhões (R$ 127,5 milhões) aos russos para vencer a concorrência com o Chelsea.

A equipe inglesa já namora o atacante brasileiro desde que o jogador vestia as cores do Porto, até a última temporada. Mas, na última quinta-feira, o jornal espanhol As noticiou um possível interesse do Real Madrid em Hulk, que poderia ser o substituto de Higuaín no Santiago Bernabéu.

Recentemente, o jornal inglês The Independent informou que o Monaco estaria disposto a investir € 100 milhões (R$ 283 milhões) para tirar Cristiano Ronaldo do Real Madrid, e o colombiano Falcao García, grande contratação da equipe até aqui, já deu o seu aval.
“Cristiano Ronaldo é um dos melhores jogadores do mundo e seria muito lindo jogar com ele”, disse Falcão.

Bancado pelo bilionário russo Dmitry Rybolovlev, Monaco já gastou, nesta temporada, € 130 milhões (R$ 368 milhões) com as contratações de Falcao García, João Moutinho e James Rodriguez.

NO REAL MADRID
Outro interessado no futebol de Hulk é o Real Madrid, segundo o diário Sport. Alvo também do Chelsea, o atacante brasileiro chegaria para ocupar o possível espaço deixado pelo argentino Higuaín, que está negociando com o Juventus.

A negociação, porém, ainda depende do aval do presidente merengue, Florentino Pérez. Apesar de dar preferência normalmente a nomes mais midiáticos, o dirigente pode buscar o brasileiro por conta da falta de nomes disponíveis no mercado.

Os valores de uma possível transferência ainda não são claros. Mas o jornal espanhol fala em algo na casa dos 40 milhões de euros.

 

Com Jornal da Paraíba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *