Integrantes do Movimento Sem Terra voltam a ocupar fazenda no Cariri

mst-ocupacao-pb.jpg

Na noite desta segunda-feira (01), integrantes do Movimento Sem Terra da Paraíba voltaram a ocupar a Fazenda Betânia localizada no município de Ouro Velho, no Cariri do estado. Cerca de 150 famílias da Prata, Ouro Velho e outras cidades do Cariri fazem parte da ocupação.

De acordo com informação de um dos organizadores do MST na Paraíba, Augusto Belarmino, o objetivo é fazer com que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) faça a desapropriação de cerca de 1.800 hectares de terra o mais rápido possível já que o INCRA teve tempo para a vistoria da propriedade. Ainda segundo Belarmino, a fazenda pertence a esposa do ex-governador da Paraíba, Antônio Mariz, e a terra é improdutiva. O MST pretende usar a terra para a produção de alimentos.

No último dia 8 de maio foi cumprido o mandato de reintegração de posse, de forma pacífica e ordeira pelas famílias. Agora os ocupantes esperam mais agilidade nas negociações para que o mais breve possível a fazenda seja entregue as famílias para que elas comecem a produzir.


Com Jacquelline Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *