Polícia desarticula quadrilha suspeita de atuar em Boa Vista e Soledade

carro.png

A Polícia Civil desarticulou nesta quarta-feira (18) uma quadrilha acusada de praticar furtos de animais, ferramentas e arrombamentos a residências na zona rural dos municípios de Boa Vista e Soledade. Ainda foram apreendidos um Celta preto, utilizado na ação criminosa, além de uma motocicleta CG 150 cilindradas com restrição de roubo/furto.

Foram levados à Delegacia de Polícia Civil de Soledade e autuados cinco suspeitos.

Na Delegacia de Polícia Civil de Soledade todos eles foram autuados na forma da Lei e liberados em seguida para responderem em liberdade porque não houve o flagrante.

Além disso, os policiais estiveram em São Vicente do Seridó, na casa de um ex-vereador e apreenderam uma forrageira, um compressor de ar, um televisor e um aparelho de som que, de acordo com a PC, seria fruto de roubo.

O ex-vereador foi autuado e vai responder pelo crime de receptação e vai responder em liberdade.

“Durante o trabalho de investigação, 14 elementos já foram identificados praticando assaltos a propriedades rurais, roubando animais, ferramentas e arrombamentos a residências. Após incessante investigação, os policiais civis conseguiram nesta quarta-feira (18) elucidar os crimes e individualizar a conduta de cada participante”, diz nota da PC.

A investigação aponta que o bando teria furtado aproximadamente 130 animais, entre caprinos e ovinos nos municípios de Boa Vista e Soledade e acreditam que os meliantes tenham feito muito mais vítimas, que não compareceram à Delegacia para registrarem Boletins de Ocorrências por medo de represálias.

No entanto, a PC disponibiliza o Disque Denúncia 197 e aguarda que a população colabore através de denúncia anônima que o sigilo absoluto é garantido e que as pessoas que tiveram animais furtados e casas arrombadas nos últimos meses, compareçam à Delegacia de Polícia Civil de Soledade para o devido registro do delito.

Paraíba Informa
Com Heleno Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *