Transposição terá mais R$ 790 milhões para construção de pontes, canais e reservatórios no eixo leste

O Ministério da Integração Nacional assinou três novas ordens de serviço para o Projeto de Integração do Rio São Francisco desde o início do mês, autorizando a aplicação de mais de R$ 790 milhões no empreendimento.

Do total, R$ 347,9 milhões serão destinados à construção de canais, estações de bombeamento, reservatórios e pontes no Eixo Leste. Os R$ 442,7 milhões restantes serão investidos nas construções de novos reservatórios no Eixo Norte. As informações são da Agência Brasil.

Segundo o governo, a aplicação dos recursos vai possibilitar a criação de mais de mil postos de trabalhos. O projeto tem atualmente mais de seis mil empregados. Desde o início do ano, foram emitidas dez ordens de serviços para o projeto.

Dos 16 lotes de obras que compõem a construção do empreendimento, dois já estão concluídos: o Canal de Aproximação dos eixos Norte e Leste. Outros 12 ainda estão em andamento e os lotes 6 e 7 serão retomados com a conclusão do processo licitatório da Meta 3N, que já está em curso.

O projeto faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e tem conclusão prevista para 2015. O objetivo do empreendimento é garantir o fornecimento e abastecimento de água a mais de 390 municípios, localizados nos estados de Pernambuco, do Ceará, da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

A expectativa é de que, em setembro, 8 mil trabalhadores estejam mobilizados nas áreas da transposição, com três mil equipamentos.

 

Com Jornal da Paraíba

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *