Açude de Taperoá está a poucos centímetros de sangrar e parede do reservatório possui vazamentos

acudetaperoa2017_2-400x225.jpg

Uma imagem sonhada por todos os taperoaenses há anos era a do açude Manuel Marcionilo cheio e até transbordando. O manancial, após as últimas chuvas, tomou considerável volume d’água e está há poucos centímetros de sangrar, mas alguns vazamentos foram verificados em sua sangria.

O açude que tem capacidade para 15.148.900m³ de água está com 13.391.550 m³, o equivalente a 88,4% de sua capacidade e está há poucos centímetros de lâmina de sangrar.

Uma preocupação da população e das autoridades é com pequenos vazamentos verificados na parede da sangria do reservatório. Segundo o prefeito Jurandi Gouveia, há alguns anos o Estado mandou fazer uma manutenção no manancial, mas os vazamentos não foram retirados.

O prefeito garantiu que segunda-feira estará em contato com o Governo para mostrar os problemas e acredita que rapidamente uma intervenção será feita pelo Estado. Ainda assim, Jurandi disse que não há motivo para pânico, pois os vazamentos não são de grandes proporções e não devem comprometer a segurança do reservatório.

 

Paraíba Informa
Com De Olho no Cariri

Fotos: Gomes Taperoá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *