Barragem em Sertânia rompe e pode atrasar chegada das águas da Transposição à Paraíba

barragem_sertania_2.jpg

Um princípio de rompimento foi registrado na manhã desta sexta-feira (3) em parte da estrutura da barragem de Barreiro, em Sertânia, Sertão pernambucano. A intercorrência fez jorrar muita água para fora do manancial de apoio às obras de Transposição e ainda não se sabe se o fato comprometerá a chegada da Transposição na Paraíba. Barreiros é a última barragem a receber a transposição antes das águas seguirem para o açude de Poções, em Monteiro.

Veja os efeitos do rompimento da barragem de Barreiro:

O Ministério da Integração, por meio de nota oficial, afirmou que técnicos das empresas responsáveis pelas obras do Projeto São Francisco estão tomando as medidas necessárias para conter a água e alertou à população quanto a necessidade de respeitar as exigências técnicas da obra.

Questionado se o problema na barragem Barreiro pode afetar a chegada das águas na Paraíba, o Ministério da Integração ainda não se pronunciou. Ainda segundo a nota, não foi identificado risco estrutural ao reservatório, mas as famílias residentes nas proximidades foram alertadas.

Veja a nota na íntegra:

O Ministério da Integração Nacional vem a público informar que registrou na manhã desta sexta-feira (3) um vazamento no reservatório Barreiro, localizado em Sertânia (PE), entre as estações de bombeamento 5 e 6 (EBV-5 e EBV-6) do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Técnicos das empresas responsáveis pelas obras do Projeto São Francisco na região estão em campo tomando todas as medidas necessárias para fazer a contenção da água. Até o momento não foi identificado nenhum risco estrutural ao reservatório.

As comunidades do entorno estão sendo alertadas sobre medidas de segurança por técnicos da área Ambiental e de Fiscalização do Projeto São Francisco.

O Ministério da Integração reforça a moradores de áreas rurais na região de abrangência o pedido para estarem alertas e seguirem as orientações fornecidas por equipes técnicas.

com de olho no cariri/ Imagens: Blog Nill Júnior/ Júlio César

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *