Papas João Paulo II e João XXIII vão se tornar santos, confirma Vaticano

Os falecidos Papas João Paulo II e João XXIII vão ser canonizados, confirmou o Vaticano nesta sexta-feira (5). O Vaticano anunciou que o Papa Francisco aprovou, nesta sexta, um decreto que reconhece um segundo milagre atribuído ao pontífice polonês, que liderou a Igreja Católica entre 1978 e sua morte, em 2005.

O Vaticano confirmou que o Papa João XXIII, que pontificou entre 1958 e 1963, também será santificado. Em seu caso, Francisco considerou que a canonização é merecida, apesar de não haver nenhum milagre formalmente atribuído a ele. A data das canonizações ainda não foram divulgadas.

Na terça-feira (2) os cardeais e bispos da Congregação para a Causa dos Santos aprovaram o segundo milagre, segundo fontes da Santa Sé. O caminho rumo à santidade tem várias etapas: a primeira é ser proclamado venerável servo de Deus, a segunda, beato, e a terceira, santo.

Venerável Servo de Deus é o título que se dá para uma pessoa morta que reconhecidamente viveu suas virtudes de maneira heroica. Para que um venerável seja beatificado é necessário que tenha se produzido um milagre por sua intercessão. Enquanto que para ser canonizado é necessário um segundo milagre. Esse segundo milagre deve ocorrer após a beatificação.

Durante os funerais de João Paulo II, após 27 anos de pontificado, um dos mais longos da história, a multidão gritou “santo súbito”. O agora Papa Emérito Bento XVI autorizou a análise de suas virtudes e de sua obra para que fosse declarado bem-aventurado.

Segundo fontes religiosas, o Papa Francisco deseja proclamar os dois Papas santos em uma única cerimônia. O Papa argentino considera João XXIII um “modelo de santidade” por sua simplicidade e bondade. João XXIII que surpreendeu o mundo na década de 1960 ao convocar um concílio, o Vaticano II, para reformar e modernizar a Igreja.

Primeira encíclica de Francisco
O anúncio das canonizações foi feito no mesmo dia da publicação da primeira encíclica do papado de Francisco.

 

Com G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *