Professores do estado e de joão pessoa vão parar por quatro dias

9dc9af9531da44bbe1f285741be498de.jpg

As aulas nas escolas públicas municipais e estaduais da Paraíba serão suspensas durante quatro dias na próxima semana. Seguindo determinação da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, a categoria vai cruzar os braços de 15 a 18 de março. A mobilização visa, entre outras coisas, melhores condições de trabalho e salários.

Em João Pessoa, o sindicato dos trabalhadores do município confirmou participação no movimento, mas também trava uma negociação com a prefeitura para conseguir um reajuste de 11,36% nos salários dos professores – são cerca de 5 mil na capital paraibana.

Ontem, a categoria anunciou que o prefeito Luciano Cartaxo, por meio de um Ofício, convocou o sindicato para uma reunião na próxima terça-feira. O presidente do sindicato, Daniel de Assis, aguarda uma contraproposta e, dependendo dos números, a categoria decidirá em uma assembleia que será realizada na sexta-feira seguinte se entra em greve ou não.

A remuneração de um professor efetivo da prefeitura é de R$ 2.633,19. Já o professor em início de magistério tem remuneração de R$ 1.979,80. Por disciplina, o professor recebe de remuneração R$ 1.583,60. Já os prestadores de serviços têm remuneração de R$ 1.152,00. A remuneração dos funcionários gira em torno de R$ 1,1 mil.

Paraíba Informa / Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *